Foi realizada a reunião anual com os funcionários-referência do SAMU Macro Norte, no Auditório da Região Integrada de Segurança Pública – RISP, em Montes Claros, na tarde desta quinta-feira (05). O encontro, que marcou a presença de colaboradores das 42 bases descentralizadas da instituição teve como objetivo discutir assuntos visando a qualidade do serviço de urgência e emergência no Norte de Minas.

Durante a abertura, a diretora executiva do Consórcio Intermunicipal de Saúde da Rede de Urgência do Norte de Minas – Cisrun, Kely Cristina de Moura Lacerda, explicou a ausência do presidente Silvanei Batista por questões de saúde. Em seguida, apresentou todo o processo de construção e estudos realizados pela diretoria juntamente com os setores contábil e jurídico para a criação e implantação do Plano de Cargos e Salários nos moldes da lei. “Levamos em consideração as despesas com a implantação das novas unidades do SAMU, folha de pagamento, impostos, além dos repasses atrasados”, afirma Kely, demonstrando zelo com a coisa pública.

Na oportunidade, o diretor estadual do Sind-Saúde, Anderson Soares, apresentou demandas solicitadas pelos colaboradores para que as bases passem por intervenções, mas pediu para que todos conhecessem um pouco mais sobre o Cisrun para obter avanços. “A gente precisa entender como que é o sistema, qual que é a nossa função, buscar o bem comum e trabalhar junto com o Consórcio para poder conseguir os nossos objetivos.”, finalizou.

Os coordenadores de Enfermagem e do Núcleo de Educação Permanente, Larissa Alcântara e Ubiratam Correia, levaram palavras de incentivo e parabenizaram os funcionários-referência pela dedicação e empenho. Destacaram também a importância do treinamento contínuo e bater as metas de 2020.