O Consórcio Intermunicipal da Rede de Urgência do Norte de Minas Cisrun/SAMU Macro Norte participou da reunião da Comissão Intergestora da Região Ampliada de Saúde (CIRA), realizada no plenário da Câmara de Vereadores de Montes Claros, na manhã dessa segunda-feira (13).

Durante a reunião, foi apresentado pela diretora executiva do Cisrun, Kely Cristina de Moura Lacerda, um levantamento do número de atendimentos realizados pelo SAMU Macro Norte nos últimos anos. O estudo identificava as ocorrências envolvendo múltiplas vítimas nas principais rodovias que cortam o Norte de Minas e o empenho das equipes da instituição para proporcionar um atendimento de qualidade às vítimas.

Ficou acertado que a CIRA irá avaliar a viabilidade de uma parceria entre o SAMU Macro Norte e a concessionária Eco-135, que administra a BR-135, para definir as atribuições de cada instituição quanto aos atendimentos médicos na rodovia. Atualmente, a concessionária possui serviço de socorro a vítimas de acidentes na rodovia, mas as ambulâncias não possuem médicos e nem medicamentos.

Assim, em casos de acidentes mais graves, o SAMU Macro Norte tem sido acionado pela concessionária e, além do custeio financeiro do serviço ficar com a instituição, os municípios localizados às margens da via acabam ficando sem cobertura de serviço de urgência e emergência, durante os atendimentos de acidentes de trânsito na rodovia.

A próxima reunião da CIRA acontecerá no dia 31 de maio, mas antes disso, no dia 24 de maio, representantes da Secretaria de Estado de Saúde, SAMU, Conselho de Secretários Municipais de Saúde, Central de Regulação de Leitos, Eco-135, além de dirigentes da Secretaria de Estado de Transportes e Obras Públicas, que é quem administra o contrato de concessão da BR-135, serão convidados para uma reunião prévia para solução da situação que foi apresentada.

Por Jane Felix
Assessora de Comunicação
SAMU Macro Norte
Contato: (38) 9 9944-0311
ascom@cisrun.saude.mg.gov.br

Deixe uma resposta